Onde Criar Mapas Mentais: Software ou Papel?

Temos duas maneiras de criar mapas mentais: utilizando algum software ou feitos à mão.

E com isso, surge uma dúvida muito comum entre meus alunos do curso Mapa Mental Express:

“Fazer mapas mentais em softwares ou à mão (papel)?”

Tudo depende muito da pessoa que está criando o mapa mental e também do ambiente em que ela está. Mas abaixo quero descrever as características de cada um, para que você possa definir qual é a melhor forma que se encaixa em seu dia a dia:

1. Mapa Mental Feito à Mão (papel)

  • Recursos simples necessários (papel e caneta);
  • Pode ser criado em qualquer lugar;
  • Precisa pensar no conteúdo e formatação ao mesmo tempo (assim que está sendo criado);
  • Dificuldade em revisões (quase sempre necessita recriá-lo).

2. Mapa Mental Feito em Software

  • Exige ter um computador, tablet ou celular à disposição;
  • Visual do mapa mental já padrão do software;
  • Divisão das etapas, é possível pensar primeiro no conteúdo e depois se preocupar com a formatação;
  • Facilidade de revisão e alterações;
  • Uso de imagens prontas (do software ou mesmo da internet).

Software que Recomendo: MindMeister – www.mindmeister.com – É o que utilizo para criar grande parte dos mapas mentais aqui do site. Algumas vantagens dele: É um software online, possui versão em português e também é multiplataformas (computador, ipad, celular, etc).

Mas afinal, qual o melhor?

Mais importante do que isso, é lembrarmos que mapa mental é um método, sendo assim, independente da ferramenta que irá utilizar, o objetivo é o mesmo.

Escolha a forma que mais se adequar a sua realidade e o momento em que estiver criando seu mapa mental.

E por que não das duas formas?

Sempre gosto de ter meus mapas mentais em um software para facilitar revisões e pesquisas futuras, principalmente utilizando algum software online, acessível de qualquer lugar, pelo computador, tablet ou celular.

Mas nem sempre o software é produtivo, vejamos o caso, por exemplo, de uma palestra ou aula ao vivo. Você está em um auditório ou sala de aula, e precisa criar rapidamente seu mapa mental para não perder o conteúdo que está sendo passado.

Sendo assim, divido a criação do mapa mental em 2 simples passos:

PASSO 1Desenhar o mapa mental no papel (papel branco e lápis/caneta) focando somente no conteúdo. Não se preocupe com o visual ou diagramação neste momento.

PASSO 2:  Em outro momento, com calma, revise e passe seu mapa mental em um software (utilizo o MindMeister). Nesta etapa da revisão, como o conteúdo já está pronto, você se preocupa somente com as imagens, cores e diagramação.

Decida o que se encaixa no momento que estiver desenvolvendo o mapa mental, e mais, utilize as duas formas e garanta uma retenção da informação e melhor organização para revisões futuras!

Deixe seu Comentário